O número de empresas insolventes nos primeiros oito meses do ano recuou 15,7%, situando-se em 3.894, segundo os dados divulgados hoje pela Iberinform, filial espanhola da Crédito y Caución.

Até agosto, o número de insolvências aumentou 0,4% em Lisboa, passando de 1.155 empresas para 1.160, face a igual período de 2016.

Na Madeira, a subida foi de 12,5%, registando-se mais 13 empresas insolventes.

Já no distrito do Porto, os casos de insolvência recuaram 22% face a 2016, fixando-se em 773, no período de referência.

No mês agosto de 2017, o número de insolvências desceu 10%, fixando-se em 189, uma redução de 21 empresas face ao mesmo mês do ano anterior.

De acordo com o mesmo documento, nos primeiros oito meses do ano, a constituição de novas empresas cresceu 8,5% para 27.699; e, no mês de agosto, a constituição de novas empresas cresceu 7,6%, fixando-se em 2.731, o que se traduz num aumento de 192, em comparação com igual período do ano passado.